icone para o facebook icone para o instagram icone para o twitter icone para o linkedin icone para o youtube icone para o youtube icone para o youtube icone para o youtube
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
Legislação & Regulação

Em que passo estamos de usar os passaportes digitais de saúde?

Diversas companhias aéreas já estão adotando aplicativos para o passageiro comprovar a vacinação contra Covid-19. Com o avanço da vacinação contra a Covid-19, os planos de viajar para fora do país a lazer ficam mais próximos e, para agilizar a liberação de viagens internacionais, algumas companhias aéreas já estão apostando nos chamados passaportes digitais de saúde. […]

Grupo IAG
27/07/2021

Diversas companhias aéreas já estão adotando aplicativos para o passageiro comprovar a vacinação contra Covid-19.

Com o avanço da vacinação contra a Covid-19, os planos de viajar para fora do país a lazer ficam mais próximos e, para agilizar a liberação de viagens internacionais, algumas companhias aéreas já estão apostando nos chamados passaportes digitais de saúde. Eles são certificados digitais de imunização e o objetivo inicial é conter todas as informações do passageiro em relação à Covid-19, como vacinação e resultados de testes.

 

Organização Mundial da Saúde (OMS), no entanto, desaconselha a exigência de prova de vacinação contra Covid-19 em viagens internacionais. O Comitê de Emergência da OMS reforçou esse posicionamento no dia 15 de julho, com o argumento de que a exigência pode promover liberdade de modo desigual. Apesar disso, alguns aplicativos estão sendo testados e outros já estão em uso desde o final do ano passado.

 

(Continua...)

Fonte: Leia a matéria na íntegra em Consumidor Moderno.

Créditos da Imagem Destacada: Imagem de mohamed Hassan por Pixabay.

Esta publicação em nada reflete a opinião ou conhecimento pessoal da Presidência, da Diretoria ou da equipe do Grupo IAG Saúde, tendo caráter unicamente informativo e não sendo utilizada para fins comerciais.

Imagem de mohamed Hassan por Pixabay